Oxente Network Rede de blogs oxente.org

21Mar/13Off

Expectativas e outras coisitas mais…

Culpar os outros por um envolvimento que não deu certo, ou um mal acontecimento em qualquer tipo de relacionamento, é muito http://carpha.org/pt/cialis-online-20mg.aspx mais fácil do que culpar a si.
Mas http://ccair.org/online/ as vezes, precisamos rever o que colocamos à nossa frente… O que colocamos entre nós, e as pessoas que nos envolvemos.

Ninguém tem a obrigação de ser ou agir, da forma que imaginamos ou queremos… Nem você, com você!!

Uma grande e melhor amiga, desde sempre.. A muito, me mandou esse texto, que combina bem com o que quero dizer:

BORBOLETAS

Quando depositamos muita confiança ou expectativas em uma pessoa, o risco de
se decepcionar é grande.

As pessoas não estão neste mundo para satisfazer as nossas expectativas, assim como não estamos aqui, para satisfazer as dela.

Temos que nos bastar… nos bastar sempre e quando procuramos estar com alguém, temos que nos conscientizar de que estamos juntos porque gostamos, porque queremos e nos sentimos bem, nunca por precisar de alguém.

As pessoas não se precisam, elas se completam… não por serem metades, mas por serem inteiras, dispostas a dividir objetivos comuns, alegrias e vida.

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com a outra pessoa, você precisa em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquela pessoa que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente, não é o homem ou a mulher de sua vida.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você, e principalmente a gostar de quem gosta de você. 

O segredo é não cuidar das borboletas e sim cuidar do jardim para que elas here venham até você. 

No final das contas, você vai achar
não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Mario Quintana 

 

Filed under: Geral Comments Off
19Mar/13Off

Filed under: Desenhos Comments Off
11Mar/13Off

Passou…

Era uma vez, um casal. Eles sempre sentavam em frente a uma fogueira, era como apreciar o amor deles.
Certo dia o rapaz avisou a mocinha que precisava se afastar da fogueira, por seus motivos particulares, ela insistiu para que isso não fosse feito, mas ele não mudou de ideia e deixou de alimentar a chama, indo embora.
A mocinha tentou manter a chama sozinha, mas se cansou depois de um tempo.
Anos depois, o rapaz volta, procurando a fogueira, mas ela já não existe mais… Ele tenta reacender, mas as vezes é difícil.
Passou tanto tempo, que a mocinha esqueceu o lugar da fogueira e não consegue achar um espaço no campo, para iniciar outra… Talvez, ela não queira mais achar um lugar, talvez ela não queira uma nova fogueira, com o rapaz.

Filed under: Desenhos, Fotos Comments Off
10Mar/13Off

Guerreira!

Eu não fui resgatada por nenhum príncipe, eu administrei meu próprio resgate!”

Comer Rezar e Amar.

(Desenho em papel com lápis de cor.)

Filed under: Geral Comments Off
7Mar/13Off

Desenho Anderson e Aline

Eles quiseram um desenho para os convites do casamento, ai fizemos! :)

Muitas felicidades ao casal!!!

Filed under: Geral Comments Off
   
Oxente.org